Flavio Ferrari

Aprendi a evitar auto definições.  Costumam ser restritivas porque, com frequência, procuramos corresponder a elas.

Mas em atenção a você, que veio até esta página para saber algo sobre o autor do blog, cabe falar um pouco sobre mim.

Creio que posso dizer que sou curioso, algo irrequieto e não exageradamente hedonista, embora valorize bastante o prazer de existir.

Como estou por aqui há algum tempo, tive a oportunidade de fazer e aprender muitas coisas.

Claro que as muitas são poucas, se comparadas às possibilidades que a vida oferece.

Viajei bastante, interagi com milhares de pessoas de diversas tribos, vivenciei coisas incomuns, explorei possibilidades sensoriais, busquei conhecimento exterior e interior. Ainda assim, sinto que apenas arranhei a superfície da existência e que a vida é curta demais.

Trabalhei como executivo em grandes empresas, professor em boas universidades, diretor de entidades de classe,  analista de cenários futuros, consultor em um par de especialidades e mentor de algumas startups.

Participei, como palestrante ou debatedor, em dezenas de congressos e eventos.

Publiquei alguns livros sobre assuntos tão diversos como transformação digital, comunicação, comédia corporativa, ficção esotérica, dieta e poesia, além de uma "revista" digital.

Teatro, leitura de Tarô, condução de cursos e vivências tântricas e celebração de casamentos são outras atividades às quais me dedico com prazer. 

O ser humano sempre esteve no epicentro de todas essas atividades.

Também passei por dez anos de psicanálise e outros tantos de vivências sensoriais, esotéricas e holísticas, na busca pelo conhecimento interior, explorando as possibilidades de ser e a expansão da consciência.

Se quiser saber mais, é só perguntar.

Namaste.

© 2020 by Flávio Ferrari